Piscicultura recebe investimentos de R$ 500 mil do Empreender Paraíba


O projeto de piscicultura, criação de peixes, apoiado pelo Empreender Paraíba, recebeu investimentos de mais de 500 mil reais. No domingo (29), o governador Ricardo Coutinho visitou a comunidade Lagoa do Matias, na cidade de Bananeiras, no Brejo Paraibano, e destacou o projeto. Na cidade, a Associação dos Piscicultores de Bananeiras (Aspib) foi a beneficiada. Na Região do Brejo, outras comunidades adotaram a piscicultura como principal fonte de renda.
O presidente da Aspib, Janduy Morais Barbosa, que também é incentivador da atividade na região, informou que a meta da associação é atingir a produção de 600 toneladas de tilápia por ano.
Na avaliação do governador, o projeto de piscicultura de Bananeiras é um dos empreendimentos apoiados pelo Empreender-PB mais bem sucedidos do Estado. Ele estima que quando os 600 mil quilos de pescado forem multiplicados por R$ 6,00 (preço do quilo do peixe), os criadores vão movimentar uma receita de R$3,6 milhões, o que representa crescimento na economia paraibana e mudança de qualidade de vida dos piscicultores. O governador destacou ainda outros investimentos na Região.
Além da piscicultura, o beneficiamento da banana está sendo efetivado com o apoio do Empreender Paraíba e ainda existe o projeto Mandala, implementado na Região. “As boas iniciativas, sejam na mineração, na piscicultura ou no comércio, têm o Empreender-PB à frente. Nosso intuito é gerar renda, qualidade de vida, fazer com que os pequenos empreendimentos possam se transformar em médios e grandes. O Brejo tem potencial para se tornar o principal pólo de piscicultura da Paraíba”, avalia o governador.
  • Produção
De acordo com o presidente da Aspib, os peixes são vendidos principalmente nas cidades que compõem a Região do Brejo e em estados vizinhos, a exemplo de Pernambuco e Rio Grande do Norte. Janduy disse ainda que o programa Empreender veio em boa hora, pois estimulou as famílias envolvidas na piscicultura e começou a mudar realidades na região de Bananeiras. “O apoio do Empreender foi de grande importância para todos nós, o impulso foi fundamental. Esse projeto veio para melhorar e mudar nossas vidas”, comemora Janduy.
O piscicultor João Alves da Silva Filho, que tem quatro viveiros de tilápia em sua propriedade, está feliz com o novo negócio. “Antes do Empreender eu tentava criar, mas não tinha ração, nem acompanhamento e os peixes morriam. Com apoio do Empreender minha vida melhorou muito; consegui incentivo para uma criação de 1.500 peixes em cada tanque. Imagine o que é isso para quem não tinha nada”, comemora o piscicultor.
O projeto é acompanhado por técnicos do Empreender-PB e por outros parceiros a exemplo da Secretaria de Estado do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca (Sedap) e UFPB (curso de Zootecnia). A cada dois meses, os técnicos visitam os piscicultores para pesagem e instruções.
  • Parcerias
A prefeita de Bananeiras, Martha Ramalho, afirmou que a parceria com o Governo do Estado foi importante para o crescimento da atividade na Região. “É um estímulo para que os piscicultores possam crescer. Muitas pessoas estão envolvidas nesse projeto que está gerando renda e emprego para o município”, destaca a prefeita.
O piscicultor e agricultor José Everaldo Cunha de Azevedo é pioneiro na piscicultura na comunidade Lagoa do Matias e um dos beneficiados com os recursos do Empreender -PB. Ele produz 120 toneladas de peixes por ano. Tilápia, curimatã, tambaqui, carpa e pirarucu.
De acordo com o gestor de negócios do Empreender-PB, Tadeu Vinícius, o objetivo do programa é elevar a produtividade; aumentar a oferta de emprego nas comunidades rurais e estimular o emprego de jovens e mulheres nos projetos e negócios rurais.
Por se tratar de um projeto de desenvolvimento de capital social, as associações, a Prefeitura de Bananeiras e o Governo do Estado (Empreender-PB), formam uma sociedade de pessoas jurídicas com o intuito de trabalharem juntos. Na sociedade, a Prefeitura é parceira do programa, o Empreender Paraíba gestor do projeto, podendo interferir para propor melhorias. Na sequência, o Empreender deixa a gestão do negócio visando o empoderamento dos membros das associações para que se tornem independentes.
Ainda de acordo com o gestor, a estratégia do Empreender-PB é gerar impacto na estrutura social das comunidades inseridas no projeto, atraindo empreendedores com novos ideais a se juntarem em associações e assim construir oportunidades de geração de emprego e renda na zona rural. Ainda em Bananeiras, o governador visitou outros projetos apoiados pelo Empreender-PB, a exemplo da bananicultura e Mandala.
Fonte e fotos: Secom PB
Piscicultura recebe investimentos de R$ 500 mil do Empreender Paraíba Piscicultura recebe investimentos de R$ 500 mil do Empreender Paraíba Reviewed by Walter Rafael Bezerra on 7/30/2012 01:36:00 PM Rating: 5

WRB nas redes sociais