Rio de Janeiro recebeu neste domingo o título de Patrimônio Mundial

O Rio de Janeiro é bastante conhecido como cidade maravilhosa por suas praias, clima e beleza natural, entre as montanhas e o mar. E neste domingo foi declarado Patrimônio Mundial, na categoria paisagem cultural urbana, durante uma reunião em São Petersburgo (Rússia). Esta é a primeira cidade do planeta a ser incluída na lista. O conceito de paisagem cultural foi criado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) em 1992.
Os famosos símbolos de cartão postal da cidade, como o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, o calçadão de Copacabana ou deslumbrante vista da Baía de Guanabara, foram apresentados como argumentos pelo Brasil. Durante a apresentação, o comitê técnico da candidatura do Rio na Unesco defendeu as "paisagens cariocas entre a montanha e o mar". 
Na apresentação, o Rio de Janeiro foi mostrado como uma cidade onde a paisagem urbana se funde com uma natureza exuberante que dá origem a "uma cultura de rua", com grandes espaços abertos, parques públicos, jardins e orla que são parte da vida cotidiana dos cariocas.
O governo do Brasil celebrou a decisão da Unesco, mas admitiu que ainda existem desafios importantes na cidade, afirmou a ministra da Cultura, Anna de Hollanda. "Não foi um processo fácil, foram nove anos levantando informações", afirmou a ministra de São Petersburgo. "Nosso projeto estava muito completo e bem argumentado. O Rio tem todas as características para ser patrimônio da humanidade: a mescla do urbano com a natureza, uma topografia que condiciona a vida do carioca que tem esta relação intensa com o mar e o morro", completou. A ministra destacou o compromisso de resgatar a Baía de Guanabara, acabando com a poluição.
  • Destaques
Foto: Turismo.gov.br
Definida pelo Pão de Açúcar em um extremo e o Morro do Pico no outro, em Niterói, a Baía de Guanabara é considerada o berço do Rio de Janeiro e atravessa bairros tradicionais, como Botafogo e Flamengo. A baía foi o primeiro ponto da cidade identificado pelos exploradores portugueses em 1502, quando acreditavam ter descoberto um rio. Outro ícone da cidade, que recebe milhares de turistas a cada ano, é a estátua do Cristo Redentor, também muito mencionado pela delegação brasileira em São Petersburgo, a antiga capital imperial russa que recebe a reunião da Unesco. 
Outros locais apresentados foram a Floresta da Tijuca, que abriga uma rica biodiversidade com espécies em perigo de extinção e que foi nomeada Reserva Mundial da Biosfera, a Pedra da Gávea e o Jardim Botânico, criado em 1808. A praia de Copacabana, com seu famoso calçadão de pedras portuguesas, e Ipanema, que inspirou o surgimento da bossa nova, também foram lembrados. Destino turístico por excelência, a cidade maravilhosa também é famosa por seu carnaval, que todos os anos atrai milhares de pessoas para suas ruas em fevereiro.
Além do Rio de Janeiro, o Brasil tem outros 18 bens culturais e naturais, incluindo o o desenvolvimento urbanístico de Brasília, o centro histórico de Salvador, o Pantanal de Mato Grosso e as reservas de Mata Atlântica e do Cerrado.
Portal Big Vale/ Veja
Rio de Janeiro recebeu neste domingo o título de Patrimônio Mundial Rio de Janeiro recebeu neste domingo o título de Patrimônio Mundial Reviewed by Natan C. Bezerra on 7/02/2012 02:20:00 PM Rating: 5

WRB nas redes sociais