Saiba todas as informações dos direitos e obrigações para votar

Em qualquer cidade, distrito brasileira ou Distrito Federal, o eleitor o voto é obrigatório para os maiores de 18 anos e facultativo para os analfabetos, aos de 70 anos e para aqueles que estão com idade entre 16 e 18 anos. O voto em trânsito não pode para as eleições municipais, o eleitor só poderá votar no seu domicílio eleitoral. Na impossibilidade, mas ele deverá justificar sua ausência no dia da eleição. Quem está morando no exterior mas mantem domicílio eleitoral em um município no Brasil. não pode votar mas esse cidadão brasileiro residente no exterior e que tenha domicílio eleitoral no Brasil, deverá justificar a ausência às urnas enquanto estiver fora do país nas embaixadas, consulados ou missões diplomáticas.

  • Horário
As zonas eleitorais funcionam das 8:00, até as 17h. Os eleitores que chegarem tarde e encontrarem fila, não precisam se preocupar. Quem ainda estiver aguardando às 17h recebe uma senha para poder votar. Os que chegarem depois desse horário não votarão.
  • Documentação
Para votar, é necessário levar um documento oficial com foto. São aceitos carteira de identidade, passaporte, carteira profissional reconhecida por lei, certificado de reservista, carteira de trabalho e Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Não são admitidas certidões de nascimento ou casamento. Não é obrigatório levar o título de eleitor, mas ele facilita a localização na seção eleitoral.
  • Local de votação
Quem não souber a seção e a zona em que deve votar, pode obter a informação no site do TSE (www.tse.gov.br). Para esta consulta, basta apresentar seu nome, data de nascimento e nome da mãe. O TSE esclarece que, com o aumento de acessos, o serviço pode ficar lento ou indisponível em alguns momentos e recomenda que eles esperem um pouco para tentar novamente.
  • Lei seca
A restrição à venda de bebidas alcoólicas no dia das eleições é decidida pela secretaria de segurança pública de cada estado. No Rio e em São Paulo, segundo os TREs locais, a lei seca não será implementada.
Uso do celular
No Rio de Janeiro, é proibido entrar na cabine de votação com telefone celular, máquinas fotográficas e filmadoras. O eleitor deverá entregar o aparelho à mesa de cada seção, que o devolverá depois do voto. A medida é uma tentativa de impedir que os eleitores sejam intimidados a comprovar que votaram em determinado candidato, como ocorre em áreas dominadas por milícias.
  • Boca de urna
A propaganda eleitoral é proibida no dia da eleição e, no Rio de Janeiro, o TRE determinou tolerância zero para a boca de urna. Quem for flagrado fazendo propaganda irregular ficará detido em cinco pontos: Maracanãzinho, Olaria Atlético Clube, Madureira Esporte Clube, Centro de Treinamento de Judô Brasil Vale ouro (na Vila Militar) e Vila Olímpica Oscar Schmidt (em Santa Cruz).
Disque-denúncia
Para denunciar irregularidades, os eleitores devem ligar para o Disque-Denúncia eleitoral. Os números (21) 3513-8144 e (21) 3513-8249 aceitam ligações a cobrar. Outro telefone disponível é o (21) 3513-8204.
  • Cola
Neste domingo, os eleitores votarão primeiro para vereador e, depois, para prefeito. O TSE sugere que levem uma cola, com os números de seus candidatos.
Preferência de voto
Na hora de votar, têm preferência candidatos, juízes, seus auxiliares e servidores da Justiça Eleitoral, promotores eleitorais, policiais militares em serviço, eleitores maiores de 60 anos, enfermos, gestantes e lactantes.
  • Eleitores especiais
O eleitor com deficiência ou de mobilidade reduzida poderá ter ajuda de uma pessoa de confiança para votar, mesmo sem pedir autorização antecipada ao juiz eleitoral. A pessoa que ajuda o eleitor com necessidades especiais, no entanto, não pode estar a serviço da Justiça Eleitoral, de partido político ou de coligação.
  • Roupas
O TSE autoriza manifestações individuais e silenciosas de apoio a candidatos ou partidos. Isso quer dizer que eleitor só poderá usar bandeiras, broches, dísticos e adesivos. São proibidos, por exemplo, bonés e camisetas até as 17h de domingo, inclusive fora da zona eleitoral.
  • Justificar
Quem estiver fora do município onde é cadastrado na Justiça Eleitoral pode justificar o voto no mesmo dia da eleição, em qualquer zona eleitoral, ou então em até 60 dias após cada turno. É preciso preencher um formulário com o número do título de eleitor.
Saiba todas as informações dos direitos e obrigações para votar Saiba todas as informações dos direitos e obrigações para votar Reviewed by Natan C. Bezerra on 10/07/2012 12:51:00 PM Rating: 5

WRB nas redes sociais