2º dia no Enem tem Luiz Gonzaga, Chico Buarque, hip hop e crise, confira gabarito


O domingo (25), e segundo dia de provas da edição 2015 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) apresentaram questões que citaram os artistas Luiz Gonzaga, Pixinguinha, Chico Buarque, Toquinho e Arnaldo Antunes. Já a prova de matemática foi baseada em situações do cotidiano, como a crise hídrica e a vacina do HPV. Cálculo de área, probabilidade, logaritmo e porcentagem também estiveram no caderno de provas, que exigiu leitura de gráficos.

Já o  tema da redação foi "A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira". A redação teve quatro textos de apoio. Neste domingo (25), os alunos tiveram cinco horas e trinta minutos para as questões e Linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática. Os portões se fecharam às 13 horas e a prova se encerra às 19h, no horário de Brasília.

Redação sobre violência

Na prova de redação, o primeiro texto de apoio foi o mapa da violência de 2012, destacando dados sobre as mortes de mulheres ocorridas entre 1980 e 2010. O segundo texto trouxe um levantamento sobre quais tipos de violências as mulheres sofrem. Em formato de gráfico, apresentou dados compilados pela Secretaria de Políticas para as Mulheres, de 2014.

O terceiro texto de apoio apresentou uma imagem tirada de uma campanha produzida pela ONG Compromisso e Atitude contra o feminicídio. O quarto e último texto foi uma reportagem da revista "Isto É" que citava levantamento sobre o total de prisões e investigações baseadas na Lei Maria da Penha (Veja todos os temas de redação da história do Enem).

Matemática no Enem

Na prova de matemática, um tema que inspirou mais de uma pergunta foi a crise hídrica. Uma das questões falava sobre um condomínio que queria construir cisterna para o abastecimento de água, e outra questão envolveu uma família interessada em criar um reservatório para captação de água da chuva. Todas questões foram contextualizadas com dilemas do cotidiano e usavam bastante análise de gráficos. Calcular dosagens de remédios foi exigido em duas perguntas. Saber quanto seria a parcela de um financiamento foi o tema de outra.

Questões sobre cálculos de áreas de círculos, sobre o alcance de uma antena, e polígonos, baseado no quanto de cada alimento uma pessoa poderia comer, foram cobradas. Probabilidade, logaritmo e porcentagem também estiveram no caderno de provas.

Linguagens no Enem

Os principais autores citados na prova de Linguagens foram Manuel Bandeira, Olavo Bilac, Lygia Fagundes Teles, Cecília Meirelles e Graciliano Ramos. Os famosos da Musica Popular Brasileira (MPB) também foram lembrados. Arnaldo Antunes teve seu Poema Concreto usado na prova. Também foram usados exemplos com Vinícius, Toquinho e Luiz Gonzaga. No caso de Gonzagão, uma de suas letras serviu de motivação para debater as variações linguísticas na língua portuguesa falada no Brasil.

O cantor e compositor Chico Buarque teve a letra "Essa Pequena" usada para abordar o uso coloquial do idioma com o objetivo de aproximar o leitor da sua mensagem. Um dos pintores que foram mencionados na prova deste domingo foi o belga René Magritte. Sua obra "Reprodução proibida" apareceu em uma questão que falou sobre o surrealismo. Outras questões sobre artes foram exigidas, uma que mostrava uma máscara de inspiraçao africana feita por Picasso e outra sobre a performance da artista Marina Abramović, no Museu de Arte Moderna, em Nova York.

O Enem abordou ainda a questão da cultura afrobrasileira, inspirada na canção "Yaô", de Pixinguinha, que mesclou trechos em português e em iorubá e abordou a língua no contexto da manutenção das tradições africanas no Brasil. O papel da imprensa também caiu na prova: uma questão usou uma figura de 2008 falando sobre a importância da informação para a formação de opinião. Outras questões exploraram a linguagem publicitária no cotidiano. Um tema inusitado na prova foi a cultura do hip hop. Uma das questões pediu para os candidatos falarem sobre a origem dos passos de dança do break e o que eles representavam na cultura moderna.

A prova de espanhol também teve uma questão sobre violência contra a mulher. O tema foi abordado por meio de uma campanha contra a violência sofrida diariamente pelas mulheres. As barreiras enfrentadas por deficientes físicos também apareceram nas questões de espanhol. A presença do espanhol nos EUA também foi explorado em uma questão que perguntava sobre os roteiros de TV e cinema norte-americanos. Na prova de inglês, questões trouxeram a presença da cultura indígena no cenário norte-americano e também uma piada sobre a temporada do futebol americano. Ela também conteve uma matéria da rede britânica BBC.

Gabarito Oficial ENEM 2015 - 2º Dia


Caderno 5 - Amarelo


Caderno 6 - Cinza


Caderno 7 - Azul


Caderno 8 - Rosa







FonteG1 | INEPFotoBlog WRB
2º dia no Enem tem Luiz Gonzaga, Chico Buarque, hip hop e crise, confira gabarito 2º dia no Enem tem Luiz Gonzaga, Chico Buarque, hip hop e crise, confira gabarito Reviewed by Natan Cardoso on 10/25/2015 09:52:00 PM Rating: 5

WRB nas redes sociais