Caravana do Coração atenderá no sertão cariri e brejo


O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES) e da Rede de Cardiologia Pediátrica da Paraíba (RCP), em parceria com a ONG pernambucana Círculo do Coração, iniciou a 5ª Caravana do Coração. Na tarde desse domingo (25), foi feita a recepção dos voluntários, no auditório do Conselho Regional de Medicina (CRM), na Capital, com as presenças da vice-governadora, Lígia Feliciano; das secretárias de Estado da Saúde, Cláudia Veras e Maura Sobreira (executiva); do deputado federal, Damião Feliciano e da deputada estadual, Estela Bezerra.



A vice-governadora Lígia Feliciano vai acompanhar a equipe em algumas cidades e falou da importância do trabalho. “Desejo que essa caravana seja coberta de êxito e cumpra seu propósito de mudar a vida de cada pessoa atendida por vocês”, enfatizou. Já a Claudia Veras ressaltou a importância da parceria do Governo do Estado com a ONG pernambucana. “O resultado dessa parceria, que vem desde 2011, só nos engrandece e é uma prova de que o SUS pode dar certo. Este será um legado que este governo deixará, pois tem como base fazer a diferença na vida da população por onde passa”, ressaltou.

A presidente da ONG Círculo do Coração, Sandra Mattos, deu as últimas orientações para a equipe que este ano é composta por quase 100 pessoas. “Esta será a maior caravana. Este ano, além das crianças com cardiopatias congênitas e daquelas com microcefalia que estão sem acompanhamento, o atendimento será ampliado para as gestantes. Em cada cidade, serão 100 mulheres, 100 crianças e 200 profissionais que serão capacitados nos cursos oferecidos pela Caravana”, explicou.

O médico Roberto Magliano, presidente da Sociedade Paraibana de Ginecologia e Obstetrícia, será um dos integrantes da equipe. “Este trabalho será fundamental para se ter um diagnóstico da mortalidade materna, pois é muito importante ir até os locais para intervir de maneira mais sistemática para que haja uma maior integração com a Atenção Básica, envolvendo todos os profissionais destes municípios numa verdadeira operação de guerra para evitar que as mulheres morram”, sugeriu.

Victor de França, de 22 anos, é um dos voluntários da Caravana. Ele é estudante de medicina e integra o grupo pela primeira vez. “Me amina muito a proposta de ajudar sem querer nada em troca. Daqui a dois anos, estarei me formando e é muito importante aplicar a teoria que aprendemos em sala de aula num projeto tão importante como esse”, disse.

Equipe e Programação:


Logo após o alinhamento da logística, a equipe seguiu viagem, em dois ônibus, para Cajazeiras, onde as atividades acontecem nesta segunda-feira (26). Esta edição será realizada até o dia 8 de julho, em 13 municípios. Logo após Cajazeiras, segue para Sousa, Catolé do Rocha, Pombal, Patos, Itaporanga, Princesa Isabel, Monteiro, Esperança, Picuí, Guarabira, Itabaiana e Mamanguape.

A equipe multiprofissional, formada por médicos, enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais, professores e estudantes universitários passa a contar com obstetras, que farão o monitoramento e acompanhamento, de forma mais efetiva, da gestante de alto risco, com o objetivo de diminuir a mortalidade materna na Paraíba, será atendido a seguintes cidades da programação da Caravana do Coração:

26/06  -  Cajazeiras

27/06  -  Sousa

28/06  -  Catolé do Rocha

29/06  -  Pombal

30/06  -  Patos

01/07  -  Itaporanga

02/07  -  Princesa Isabel

03/07  -  Monteiro

04/07  -  Esperança

05/07  -  Picuí

06/07  -  Guarabira

07/07  -  Itabaiana

08/07  -  Mamanguape


História da Caravana do Coração



O Projeto – A Caravana do Coração começou a partir da Rede de Cardiologia Pediátrica da Paraíba (RCP – PB). É uma ação do Governo do Estado da Paraíba em parceria com a ONG Círculo do Coração considerada um divisor de águas nas áreas cardiológica e pediátrica. O Projeto ganhou o prêmio de melhor trabalho multidisciplinar no 24º Congresso Brasileiro de Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular Pediátrica, concorrendo com mais de 300 trabalhos inscritos. O evento ocorreu em novembro de 2016, em Belo Horizonte (MG).  A primeira edição do Projeto foi realizada em 2013, quando foram visitados oito municípios paraibanos e atendidos pouco mais de 500 pacientes. A segunda e a terceira edições, realizadas em 2014 e 2015, cobriram 13 municípios e asseguraram o atendimento de mais de 1.000 pacientes, cada. Nessas Caravanas, os profissionais de saúde percorrem mais de 1.800 km.



Foto: Ricardo Puppe
Realizada em julho de 2016, a IV Caravana do Coração registrou, em 13 dias, 10.793 procedimentos, beneficiando 1.908 pacientes (1.349 crianças, 241 gestantes e 318 adultos), de 176 municípios paraibanos. Na ocasião, foram encaminhados 100 pacientes para avaliação genética por suspeita de microcefalia. Destes, 53 tiveram confirmação da microcefalia e 29 apresentaram outras malformações (síndromes genéticas). Os demais pacientes não apresentaram malformações. Além desses, ainda foram identificados 11 fetos com anomalias que podem estar relacionadas ao vírus Zika.



FontePortal do Governo PB FotoJúnior Fernandes
Caravana do Coração atenderá no sertão cariri e brejo Caravana do Coração atenderá no sertão cariri e brejo Reviewed by Walter Rafael on 6/24/2017 11:09:00 AM Rating: 5

WRB nas redes sociais